Ultimas

Os 10 melhores combates de sempre por títulos de tag team na WWE

WWE tem títulos de tag team desde 1958
A história de títulos de tag team na WWE remonta aos tempos em que a companhia se chamava World Wide Wrestling Federation (WWWF), tendo em 1958 introduzido o WWWF United States Tag Team Championship, que vigorou até 1967.
 
Em 1969 foi implementado o WWF International Tag Team Championship, que em 1971 foi substituído pelo World Tag Team Championship, ainda que tivesse voltado em 1985 durante alguns meses.
 
O World Tag Team Championship coincidiu com o WWF Intercontinental Tag Team Championship em 1991 e com o WWE Tag Team Championship entre 2002 e 2009. Na WrestleMania XXV, o World Tag Team Championship e o WWE Tag Team Championship foram unificados, mas só quase um ano e meio depois, em agosto de 2020, é que a promotora assumiu que ia continuar a linhagem do WWE Tag Team Championship.
 
Em 2016, após nova brand split, o WWE Tag Team Championship tornou-se no WWE Raw Tag Team Championship e foi implementado o WWE SmackDown Tag Team Championship.
 
Paralelamente, a divisão feminina teve direito a um Tag Team Championship entre 1983 e 1989 e desde 2019.
 
Vale por isso a pena recordar os onze melhores combates de sempre por títulos de tag team na WWE, por ordem cronológica, numa contabilidade em que não incluímos os cinturões do NXT e do NXT UK.
 

WWF Action Zone #2 (30 de outubro de 1994)
Diesel & Shawn Michaels (c) vs. Razor Ramon & The 1-2-3 Kid
Em meados de 1994, Shawn Michaels começou a atuar como manager de Diesel, ajudando-o a conquistar o Intercontinental Championship a Razor Ramon.
Entretanto, a dupla transformou-se numa tag team, com ambos a derrotarem The Headshrinkers num house show para conquistarem WWF Tag Team Championship a 28 de agosto de 1994.
Um dia depois, uma interferência involuntária de Michaels custou a Diesel o título intercontinental no SummerSlam, que foi recuperado por Razor Ramon.
Dois meses depois, Diesel e Shawn Michaels defenderam os cinturões de tag team diante Razor Ramon e o seu parceiro The 1-2-3 Kid na segunda semana do programa WWF Action Zone.
 
 
 
Raw Is War (26 de maio de 1997)
Owen Hart e The British Bulldog (c) vs. Shawn Michaels e Steve Austin
Campeões desde setembro do ano anterior, os cunhados Owen Hart e British Bulldog não só colocaram as diferenças de lado - numa altura em que ambos lutavam pelo WWF European Championship - como se juntaram a Bret Hart, Jim Neidhart e Brian Pillman para reformular o grupo The Hart Foundation.
Contudo, no Raw is War de 26 de maio de 1997 os campeões tiveram dois oponentes de peso. Ainda que não formassem propriamente uma equipa coesa, Steve Austin e Shawn Michaels tinham algo em comum: a inimizade com Bret Hart.
No caso de Shawn Michaels, que estava de regresso à ação após uma lesão num joelho, a rivalidade com Bret Hart já se estendia há vários anos, tendo ambos protagonizados um elevado número de combates pelo Intercontinental Championship e pelo WWF World Heavyweight Championship. No entanto, a tensão entre os dois era extensível à vida real.
Também Steve Austin vinha a protagonizar uma feud quente com Bret Hart, tendo ambos lutado em combates intensos no Survivor Series 1996, In Your House 13: Final Four, WrestleMania 13 e no In Your House 14: Revenge of the 'Taker, além de terem discutido a vitória no Royal Rumble match em 1997.
 
 
 
Tables, Ladders, and Chairs match pelo WWF Tag Team Championship:
Edge & Christian (c) vs. The Dudley Boyz (Bubba Ray Dudley e D-Von Dudley) vs. The Hardy Boyz (Jeff Hardy e Matt Hardy)
As mesmas equipas que participaram no Triangle ladder match da Wrestlemania 2000, na altura com a vitória a sorrir a Edge e Christian, que conquistaram os títulos que eram dos Dudleys.
As três duplas continuaram muito envolvidas, mas a rivalidade intensificou-se no verão, quando os Hardys atacaram os campeões Edge e Christian enquanto estes defendiam os títulos frente aos Dudleys no episódio do SmackDown! de 10 de agosto. Os Hardys atacaram Edge com um escadote e os Dudleys plantaram Christian numa mesa, mas não ficaram sem resposta.
Na edição seguinte do Raw is War, Edge e Christian atacaram Matt Hardy com uma cadeira, o que levou o comissário Mick Foley a anunciar um combate de mesas, escadotes e cadeiras para o SummerSlam. E se inicialmente os Dudleys e os Hardys pareciam estar a unir esforços contra os detentores do título, depressa também entraram em conflito, atacando-se mutuamente nas semanas que antecederam a luta.
 
 
 
WrestleMania X-Seven
Tables, Ladders, and Chairs match pelo WWF Tag Team Championship:
The Dudley Boyz (Bubba Ray Dudley e D-Von Dudley) (c) vs. Edge & Christian vs. The Hardy Boyz (Matt Hardy e Jeff Hardy)
No ano que se seguiu ao Triangle ladder match da WrestleMania 2000, as três equipas dominaram a divisão de tag team. Além do reinado começado na WrestleMania, Edge e Christian tiveram mais cinco. No mesmo período, os The Hardy Boyz foram campeões por três vezes e os The Dudley Boyz por duas, aparecendo na WrestleMania X-Seven nessa condição. Pelo meio, também os Too Cool (Grand Master Sexay e Scotty 2 Hotty), os Right to Censor (Bull Buchanan e The Goodfather) e The RockThe Undertaker tiveram os títulos na sua posse.
 
 
 
Raw Is War (21 de maio de 2001)
The Two-Man Power Trip (Steve Austin e Triple H) (c) vs. Chris Benoit e Chris Jericho
Na WrestleMania X-Seven, Steve Austin venceu o WWF Championship com a ajuda de Vince McMahon. Na noite seguinte, no Raw is War, Triple H exigiu saber porque o sogro ajudou o velho inimigo Stone Cold, mas também acabou por ajudar Austin a bater The Rock num Steel Cage match.
Entretanto, Austin começou a revelar o seu lado mais violento, atacando quase toda a gente que lhe aparecia pela frente, e aliou-se a Triple H. Numa altura em que Stone Cold era campeão da WWF e o The Game campeão intercontinental, ambos conquistaram juntos os títulos de tag team ao bater os Brothers of Destruction no Backlash.
Entretanto, foi marcado para o Judgment Day um tag team turmoil match para determinar os candidatos principais ao WWF Tag Team Championship, com a equipa dos antigos rivais Chris Jericho e Chris Benoit a levar a melhor, eliminando Edge e Christian em último lugar. E Jericho e Benoit acabaram por receber a oportunidade de lutar pelo título logo no Raw da noite seguinte.
 
 
 
SmackDown! (24 de maio de 2001)
Tables, Ladders, and Chairs match pelo WWF Tag Team Championship:
Chris Benoit e Chris Jericho (c) vs. Edge & Christian vs. The Dudley Boyz (Bubba Ray Dudley e D-Von Dudley) vs. The Hardy Boyz (Jeff Hardy e Matt Hardy)
No Raw is War de 21 de maio de 2001, Chris Jericho e Chris Benoit aproveitaram uma marretada involuntária de Triple H em Steve Austin para conquistarem os cinturões.
Três dias depois, no SmackDown!, Vince McMahon anunciou que nessa mesma noite os recém-coroados campeões iriam defender os títulos num combate que envolveria mesas, escadotes e mesas frente aos Hardys, os Dudleys e Edge & Christian.
 
 
 
Monday Night Raw (7 de outubro de 2002)
Tables, Ladders, and Chairs match pelo WWE Tag Team Championship:
Kane (c) vs. Bubba Ray Dudley & Spike Dudley vs. Chris Jericho & Christian vs. Jeff Hardy & Rob Van Dam
No Unforgiven 2002, Booker T, Bubba Ray Dudley, Goldust e Kane bateram os The Un-Americans (Christian, Lance Storm, Test e William Regal).
No episódio do Raw da noite seguinte, foi anunciado que Kane e um parceiro mistério iam lutar pelos WWE Tag Team Championship que pertenciam a Lance Storm e Christian. Kane escolheu Hurricane, que até então pertencia ao SmackDown, e juntos conquistaram o título.
Duas semanas depois, numa edição do Raw denominada Raw Roulette, foi sorteado que Kane e Hurricane iam defender os cinturões num Tables, Ladders, and Chairs match frente a uma equipa da escolha deles. No entanto, o General Manager Eric Bischoff disse a Bubba Ray Dudley, Jeff Hardy e Christian que os três estariam no TLC match com os parceiros que quisessem.
Entretanto, Chris Jericho ofereceu os seus serviços a Christian, que aceitou. Bubba Ray Dudley pediu a Tommy Dreamer para ser seu parceiro, mas Spike Dudley ficou magoado por não ter sido escolhido e Dreamer acabou por abdicar a favor dele. Por último, foi a vez de Jeff Hardy anunciar que ia formar tag team com Rob Van Dam.
Contudo, antes do combate iniciar Hurricane foi atacado por Triple H e Ric Flair. Na altura, Kane era também o campeão intercontinental e tinha agendado para o No Mercy um combate de unificação de títulos frente ao campeão mundial Triple H, que assim quis marcar uma posição a pouco menos de duas semanas do pay-per-view. Devido à impossibilidade de o seu companheiro competir, Kane teve de defender o título sozinho.
 
 
 
No Mercy 2002
Kurt Angle e Chris Benoit vs. Edge e Rey Mysterio
Após a brand extension, o original WWE World Tag Team Championship acabou por se tornar exclusivo do Raw, deixando o SmackDown! sem qualquer título de tag team. Posto isto, a General Manager da brand azul, Stephanie McMahon, implementou o WWE Tag Team Championship e organizar um torneio de oito equipas para apurar os campeões inaugurais, com final marcada para o No Mercy 2002.
Acabaram por chegar à final as improváveis equipas de Kurt Angle e Chris Benoit, que eliminaram Billy Kidman e John Cena nos quartos de final e Los Guerreros nas meias; e de Edge e Rey Mysterio, que afastaram Brock Lesnar e Tajiri nos quartos e Reverend D-Von e Ron Simmons nas meias.
 
 
 
Armageddon 2006
Paul London & Brian Kendrick (c) vs. William Regal & Dave Taylor vs. MNM (Joey Mercury e Johnny Nitro) vs. The Hardys (Matt Hardy e Jeff Hardy)
Nos últimos meses de 2006, William Regal e Dave Taylor alcançaram várias vitórias sobre os campeões Paul London e Brian Kendrick, o que levou a que tivesse sido marcado um title match entre as duas equipas para o Armageddon.
No entanto, durante o próprio evento o General Manager do SmackDown!, Theodore Long, anunciou que mais duas equipas participariam no combate, os MNM e os Hardys, e que o mesmo seria transformado num Ladder match.
 
 
 
Dolph Ziggler e Drew McIntyre (c) vs. Seth Rollins e Dean Ambrose
Entretanto, foi marcada uma desforra entre os dois para o SummerSlam, com McIntyre no canto de Ziggler. Porém, no episódio de 13 de agosto do Raw, Dean Ambrose regressou à ação após recuperar de lesão e anunciou que ia marcar presença no canto de Rollins.
Entretanto, no episódio de 3 de setembro do Raw, Dolph Ziggler e Drew McIntyre derrotaram The B-Team (Bo Dallas e Curtis Axel) para conquistar o Raw Tag Team Championship.
Na semana seguinte, os novos campeões defenderam os cinturões numa desforra frente a Bo Dallas e Curtis Axel, mas foram atacados no final do combate por Seth Rollins e Dean Ambrose, que nessa mesma noite foram anunciados como candidatos principais ao Raw Tag Team Championship no Hell in a Cell.
 

Sem comentários:

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

Com tecnologia do Blogger.