Ultimas

PPV Review - WWE Survivor Series 2021


Data: 21 de novembro de 2021
Arena: Barclays Center
Localidade: Brooklyn, Nova Iorque York
 
 
Becky Lynch (Raw Women's Champion) vs. Charlotte Flair (SmackDown Women's Champion)
Combate que começou com um ritmo muito alto, com ambas a exibirem grande agressividade, mostrando grande vontade de se magoarem uma à outra. Entretanto a intensidade foi baixando com alguma naturalidade, mas muito por culpa de golpes de alto impacto que mantinham uma no chão e outra parada a recuperar o fôlego.  
Sem que uma assumisse uma postura mais heel e outra mais face, ambas foram lutando taco-a-taco, sem períodos longos de domínio de uma sobre a outra. A um golpe impactante de uma, a outra ripostava à altura, com muitas submissões ao barulho, inclusivamente um Figure Four Leg Lock por parte de Becky Lynch.
Charlotte esteve perto de vencer através de um assentamento em que se apoiava nas cordas, mas o árbitro reparou e interrompeu a contagem. Instantes depois, Becky Lynch respondeu na mesma moeda, mas aí o árbitro já não viu e acabou por contar até ao fim.
Vencedora: Becky Lynch
Nota: 8,5/10
 
 
5-on-5 Men's Survivor Series elimination match:
Team Raw (Seth Rollins, Finn Bálor, Kevin Owens, Bobby Lashley e Austin Theory) vs. Team SmackDown (Drew McIntyre, Jeff Hardy, King Woods, Happy Corbin e Sheamus)
O combate começou com Kevin Owens a iniciar o combate e a ser eliminado propositadamente por countout, deixando a Team Raw muito cedo reduzida a apenas quatro homens.
Passados alguns minutos, Finn Bálor igualou as contas ao eliminar Happy Corbin na sequência de um Coup de Grâce.
Entretanto, a Team Raw ficou pela primeira vez em vantagem depois de Bobby Lashley ter afastado King Woods via submissão, através de um Hurt Lock.
Logo a seguir Lashley e McIntyre reeditaram uma das feuds que marcou o ano de 2021 na WWE, mas acabaram por ser ambos eliminados por countout, deixando a Team Raw com três homens (Seth Rollins, Finn Bálor e Austin Theory) contra apenas dois da Team SmackDown (Sheamus e Jeff Hardy).
Sheamus eliminou Finn Bálor após um Brogue Kick, deixando tudo empatado, e a seguir mostrou grande entendimento com Jeff Hardy, alinhando até num Poetry in Motion. Porém, o irlandês foi surpreendo por um roll-up de Austin Theory e acabou por descarregar não só em Theory como também em Hardy, que ficou sozinho para enfrentar Seth Rollins e Austin Theory.
No entanto, Jeff Hardy teve forças para eliminar Austin Theory após um Swanton Bomb antes de medir forças com Seth Rollins. Hardy até parecia encaminhado para a vitória, mas quando avançou para o Swanton Bomb foi de encontro aos joelhos de Seth Rollins, que a seguir fez o assentamento vitorioso após um Curb Stomp.
Sobrevivente: Seth Rollins (Team Raw)
Nota: 8/10
 
 
25-Man Battle Royal
Enquanto AJ Styles se colocou fora do ringue (mas sem se autoeliminar) para ficar a apoiar os companheiros do Raw a partir do exterior, Omos ia dizimando e eliminando quem lhe aparecia pela frente.  Paralelamente, eu reparava que não conhecia um número razoável de lutadores que estavam em ringue.
Entretanto, AJ Styles estava prestes a ser eliminado e Omos viu-se obrigado a larga-lo, não conseguindo evitar a eliminação do companheiro de tag team.
Para o fim ficaram Omos e Ricochet, com Omos a levar naturalmente a melhor, num combate em que somou 12 eliminações.
Vencedor: Omos
Nota: 5/10
 
 
RK-Bro (Randy Orton e Riddle) (Raw Tag Team Champions) vs. The Usos (Jey Uso e Jimmy Uso) (SmackDown Tag Team Champions)
Combate que os RK-Bro estavam a dominar até Riddle se distrair com os fãs, começando nessa altura a sofrer vários golpes por parte dos Usos. O hot tag em Randy Orton mudou o rumo dos acontecimentos, mas a reentrada de Riddle voltou a equilibrar a contenda.
Riddle resistiu a tudo, mas foi Randy Orton a dar a vitória à sua equipa após um RKO a meio do ar em Jimmy Uso.
Vencedores: RK-Bro (Randy Orton e Riddle)
Nota: 7/10
 
 
5-on-5 Women's Survivor Series elimination match:
Team Raw (Bianca Belair, Rhea Ripley, Liv Morgan, Carmella e Queen Zelina) vs. Team SmackDown (Sasha Banks, Shayna Baszler, Shotzi, Natalya e Toni Storm)
Carmella foi eliminada logo nos instantes iniciais por Toni Storm, após distrair-se com coisas que nada interessavam no combate. Só muito tempo depois é que surgiu uma eliminação, a de Queen Zelina, uma vez mais às mãos de Toni Storm.
O bom momento de Toni Storm foi interrompido por Liv Morgan, que a eliminou e reduziu a desvantagem da Team Raw. Porém, Morgan foi afastada por Sasha Banks instantes depois, após um Frog Splash.
Pouco depois, Bianca Belair ficou sozinha em ringue na sequência da eliminação de Rhea Ripley. No entanto, a desvantagem para a Team Smackdown ficou reduzida, uma vez que Sasha Banks desentendeu-se com as companheiras de equipa, que a eliminaram via countout. Logo a seguir, Bianca Belair eliminou Natalya e logo a seguir Shayna Baszler, ficando para o fim com Shotzi.
Apesar de muito desgastada, Bianca Belair deu conta do recado e derrotou Shotzi após um Kiss Of Death.
Sobrevivente: Bianca Belair (Team Raw)
Nota: 5,5/10
 
 
Big E (WWE Champion) vs. Roman Reigns (Universal Champion)
Big E começou por dominar Roman Reigns, que até teve de ouvir umas palavras de conforto e motivação de Paul Heyman, mas um Splash falhado na borda do ringue virou o jogo a favor do Tribal Chief. Ainda assim, Reigns continuou a sentir algumas dificuldades para se impor.
O que Reigns também sentiu foi necessidade de interagir com o público de forma a que o combate não fosse disputado ao som do… silêncio.
A dada altura, Big E deixou propositadamente de vender os golpes, como se fosse insensível à dor, levantando-se rapidamente após Superman Punches e fazendo o kick out depois de sofrer um Spear. Também resistiu a um Guillotine, revertendo essa submissão de Reigns para um Big Landing, mas no assentamento que se seguiu o campeão universal agarrou-se à corda inferior.
Depois de uma intensa batalha, Roman Reigns alcançou o triunfo ao escapar de um Big Landing e aplicar um Spear.
Vencedor: Roman Reigns
Nota: 7,5/10

Sem comentários:

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

Com tecnologia do Blogger.