Ultimas

Lucas Headquarters #43 – STARDOM 5-Star Grand Prix 2021: A escadaria para o paraíso


 

Ora então boas tardes, comadres e compadres! Como estão! Sejam bem-vindos a mais uma edição dos “Lucas Headquarters”, aqui no site do WrestlingNotícias! Mais um mês a terminar, o calor a apertar, os avecs a chegar… E quase me esquecia, hoje é o melhor dia para casar, não se esqueçam que depois entra Agosto, malta! Mas falando de wrestling, o dia de hoje é especial porque um dos torneios mais excitantes do mundo do wrestling (mais especificamente do joshi wrestling) vai hoje começar.


Entre 31 de Julho e 25 de Setembro de 2021 anno Domini, 20 das melhores wrestlers que o Japão já produziu vão competir entre si divididas em dois blocos de 10 participantes cada, num torneio ao estilo round-robin (cada vitória dá pontos, mais ou menos como no futebol) com as duas vencedoras de cada bloco a enfrentarem-se na tão aguardada final: Está aí a edição de 2021 do 5-Star Grand Prix da STARDOM!


Para quem só agora acompanha o artigo e não tive a oportunidade de ler a edição #40 (onde dei uma perspetiva sobre o modo como a STARDOM trabalha e alguns dos seus talentos) vale a pena dizer-vos que este torneio é o mais importante da empresa. Porquê?


A razão é simples e direta: A vencedora que sair da final de 25/9 receberá uma oportunidade pelo World of Stardom Championship, o maior título da empresa, detido por Utami Hayashishita. Mas a importância deste 5-Star Grand Prix vai muito para além disso. 




Precisamente porque o prémio final é uma hipótese de ser a principal cara da companhia, este torneio foi o responsável pelo despontar de alguns dos maiores talentos do joshi wrestling e, em última instância, do wrestling mundial.


Falo não só de Hayashishita (que venceu a edição passada) mas também da uma das atuais NXT Women’s Tag Team Champions Io Shirai (vencedora de 2014), a ex-NXT Women’s Champion Kairi Sane (2015), Toni Storm (2017) e ainda a falecida Hana Kimura (2019). Com três das suas cinco vencedoras a conseguirem estabelecer-se na maior empresa de wrestling do mundo (obviamente saberão qual é), não é surpresa nenhuma que este torneio seja, parafraseando esse clássico da música Rock, uma autêntica escadaria para o Paraíso.







Ora, os blocos, como disse anteriormente, são dois: Red Stars Block e Blue Stars Block, que reúnem 10 participantes cada. Destaque para a ausência de Natsuko Tora, que se lesionou no combate pelo World of Stardom Championship contra Utami Hayashishita, que serviu de Main Event ao Yokohama Dream Cinderella 2021 in Summer do passado dia 4. Fukigen Death substitui Tora enquanto participante do torneio.


As participantes de cada bloco são as que a seguir se descrevem:

Red Stars Block: Giulia, Momo Watanabe, Fukigen Death, Saki Kashima, Starlight Kid, Natsupoi, Himeka, Koguma, Mina Shirakawa e Mayu Iwatani.


Blue Stars Block: Utami Hayashishita (vencedora da última edição e atual World of Stardom Champion), Syuri, Tam Nakano, Saya Kamitani, Malika, AZM, Ruaka, Konami, Unagi Sakaya e uma participante surpresa (que pode até vir de outra empresa qualquer).


Posto isto, quem poderá vencer a edição deste ano?

 

Na minha opinião, a atual vencedora e World of Stardom Champion Utami Hayashishita fica já riscada da lista de potenciais vencedoras, por razões que não têm tanto a ver com o facto de ser a vencedora em título, mas por ser a World of Stardom Champion em título. Ter Utami a vencer outra vez quando ela própria já tem o ouro consigo não faria grande sentido, quando o principal objetivo é não estagnar o roster e abrir uma janela de oportunidade. 


Sendo assim, a minha aposta recai em três nomes, a saber:


Giulia



Parece-me a mim ser a escolha mais óbvia e se calhar a favorita consensual à vitória deste ano. Giulia é forte, imponente e até algo intimidante, mas desengane-se quem pensar que esta anglo-nipo-italiana que forma parte das Donna Del Mondo é uma Nia Jax dentro do ringue. Não senhor, o que Giulia tem em moldura física tem também em talento.


E é com esse talento que Giulia vai tomando a STARDOM de assalto e construindo um palmarés de respeito: Venceu o último Cinderella Tournament, já foi Wonder of Stardom Champion, Artist of Stardom Champion e é presentemente uma das Goddess of Stardom Champions ao lado de Syuri.


Com todo este currículo, Giulia tem que ser considerada favorita à vitória, no entanto (e paradoxalmente) também é certo que não precisa de vencer este torneio para consolidar a sua posição, já que um reinado seu como World of Stardom Champion será uma realidade, muito em parte graças à meteórica ascensão que protagonizou.


Syuri



Sempre que há uma dupla ou stable que deixa marca, existe a tendência de atribuir esse sucesso a um nome só, deixando o outro na sua sombra. Assim acontece com Syuri, também ela parte das Donna del Mondo (em conjunto com Giulia, Maika, Himeka e Natsupoi) que graças ao impacto causado pela líder da stable, tem sido muitas vezes subestimada pelos fãs.


O que coloca Syuri entre os possíveis nomes a vencer o torneio é o simples facto desta já ter tido historial com Hayashishita, num autêntico duelo de vida ou de morte que teve lugar no Tokyo Dream Cinderella Special Edition de 12 de Junho e durou uns extraordinários 43 minutos, tendo acabado em empate. Ora, se o combate foi o que foi, não será surpresa se a STARDOM quiser repetir a dose, pelo que o nome de Syuri não poderá ser descartado.


Tam Nakano



A terminar este trio de favoritas, na minha opinião, está a atual Wonder of Stardom Champion, Tam Nakano. E esta é uma corrida contra o tempo para a STARDOM, porque apesar da sua ainda curta carreira (que leva pouco mais de cinco anos) Nakano já deu a entender que tem os dias contados no wrestling e que planeia retirar-se dentro dos próximos dois anos, pelo que a vencer este torneio e garantir esta oportunidade, o timing é o ideal.


Para além disso, Tam Nakano é um dos grandes nomes do atual panorama de uma empresa que até está recetiva a ter nos seus eventos os chamados double championship matches. Com Utami no topo da hierarquia atual e Nakano a ver a sua carreira entrar no sprint final, esta é uma oportunidade que a STARDOM não pode nem deve desperdiçar.


Quem acham que vencerá o 5-Star Grand Prix deste ano da STARDOM? Deixem as vossas previsões nos comentários, e o "Lucas Headquarters" de hoje fica por aqui. Não se esqueçam de passar pelo site do WN e sugerir futuros temas, para a semana cá estarei com mais um artigo.


Peace and love gente, e que ganhe a melhor joshi wrestler! Até para a semana!










Sem comentários:

O blog tem os comentários abertos a todos aqueles que gostem de wrestling e o queiram discutir com responsabilidade e sobretudo de maneira construtiva.

Não são permitidos insultos pessoais entre leitores, bem como a autores do blog. Não é permitido spam. Qualquer comentário fora do contexto, fica a cargo da administração a decisão da sua permanência.

Com tecnologia do Blogger.